logo ceped

Notícias

08/12/2017

Campo Largo confirma compromisso com a campanha Cidades Resilientes.

campo largoCampo Largo é o único município do Paraná indicado a participar da etapa continental da campanha das Nações Unidas “Construindo Cidades Resilientes: minha cidade está se preparando!”. O Brasil é o líder desta campanha no mundo. Das 1007 cidades brasileiras que se inscreveram, 320 são do Paraná. O Brasil, pela participação significativa nesta campanha, recebeu o convite para indicar sete municípios para representar o País na etapa continental. O município paranaense compõe o grupo de 50 cidades das Américas que vão receber um assessoramento especial do CEPED/PR e dos promotores da campanha no Brasil, para que possa avançar nesse programa de Resiliência e tornar-se um modelo para os demais. 

 

O evento tem o apoio do Escritório das Nações Unidas para Redução dos Riscos de Desastres. Campo Largo é considerado exemplo, por isso vai representar o Brasil. O prefeito Marcelo Puppi, juntamente com o vice-prefeito Mauricio Rivabem, recebeu a notícia durante visita ao Palácio Iguaçu, no CEPED – Centro Universitário de Estudos e Pesquisas sobre Desastres, órgão da Defesa Civil do Paraná. Isso significa que Campo Largo, depois de ter feito a adesão à campanha poderá colocar o projeto em prática. 

 

 


Resiliência

O capitão BM Eduardo Gomes Pinheiro, diretor do Centro Universitário de Estudos e Pesquisas sobre Desastres, destacou a importância da escolha para Campo Largo. "Essas 50 cidades foram escolhidas para que possam aprimorar o compromisso assumido com a Resiliência de uma maneira que a carta de adesão à campanha, possa se transformar efetivamente em ações".  A partir de agora, o município deverá implantar as dez medidas para se tornar uma Cidade Resiliente que são: Adotar o Quadro Institucional e Administrativo, buscar recursos e financiamento, avaliar os riscos e ameaças múltiplas, proteção, melhoria e resiliência de infraestrutura, construção de regulamentos e planos de Uso e Ocupação do Solo, Treinamento, Educação e Sensibilização Pública, proteção Ambiental e Fortalecimento dos Ecossistemas, preparação, Sistemas de Alerta e Alarme, e Respostas Efetivos, e recuperação e Reconstrução de Comunidades.

 

O prefeito Marcelo Puppi sinalizou positivamente para que, com apoio do CEPED, o município possa implementar os dez passos da campanha, para bem representar o Paraná. O primeiro passo será a implantação do Comitê Municipal de Resiliência, com a união de todos os órgãos ligados ao assunto, em torno da Defesa Civil. 

 

Por Sara Carvalho, Assessoria de Comunicação CEPED/PR


FONTE: O material acima foi adaptado do site http://www.campolargo.pr.gov.br/site/noticias/id/4736

Arquivo anexado:

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.